O eletrocardiograma

Como médico cardiologista, vou explicar o que é o exame de eletrocardiograma.

O eletrocardiograma, ou ECG, é um teste não invasivo que registra a atividade elétrica do coração. É um exame muito comum e essencial para diagnosticar uma série de condições cardíacas, como arritmias, doenças coronárias, insuficiência cardíaca e outras anomalias cardíacas.

Durante o procedimento, sensores chamados eletrodos são colocados na pele do paciente, geralmente nos membros superiores e inferiores, assim como no peito. Esses eletrodos são conectados a um aparelho chamado eletrocardiógrafo, que registra a atividade elétrica do coração em forma

de traçados gráficos em uma folha de papel como na imagem a seguir.

Esses traçados mostram a sequência de eventos elétricos que ocorrem no coração durante cada batimento cardíaco. O médico analisa esses traçados para determinar se há alguma anormalidade nos ritmos cardíacos, como batimentos irregulares, taquicardia (aceleração do ritmo

cardíaco) ou bradicardia (ritmo cardíaco lento).

Além disso, o exame de ECG também pode indicar se houve algum dano ao músculo cardíaco, como o resultado de um ataque cardíaco anterior, e pode fornecer informações sobre a saúde geral do coração, como a presença de hipertrofia ventricular ou outras condições cardíacas estruturais.

O exame de ECG é realizado de forma rápida e indolor, geralmente levando apenas alguns minutos. É um exame bastante seguro e que oferece informações valiosas para o diagnóstico e monitoramento de doenças cardíacas. No entanto, é importante que a interpretação do ECG seja feita por um médico especialista,

como um cardiologista, para garantir uma avaliação precisa e adequada do coração do paciente.

Dr Eduardo Abi-Kair, médico cardiologista, ecocardiografista e com atuação em medicina do esporte e exercício.

× Como posso te ajudar?